segunda-feira, 28 de março de 2016

É muito provável que, em diversas ocasiões, você  tenha desejado saber por que os mosquitos escolhem você em lugar de seus familiares.

É muito injusto que alguns de nós tenhamos de suportá-los enquanto outros fiquem felizes sem uma única picada  ou marca. Você já pensou por que algumas pessoas são mais atraentes para os mosquitos?
A verdade é que, mesmo que você não acredite,  os mosquitos têm a capacidade para escolher as suas vítimas, deixando de lado aquelas que não os atraem minimamente.
Depois de ler a informação que vamos compartilhar você poderá entender por que estes bichos sempre picam você e por que outras pessoas nunca são picadas. Entenda por que algumas pessoas são mais atraentes para os mosquitos.

Por que os mosquitos chupam o sangue?

Na realidade, nem todos os mosquitos o fazem. O mosquito macho se alimenta de néctar. São as fêmeas que utilizam o sangue como um alimento, pois necessitam de substâncias como ferro e proteínas (presentes no sangre) para um desenvolvimento adequado de seus ovos.
As hipóteses sugerem que o mosquito fêmea seria capaz de detectar a nossa temperatura corporal e respiração graças a uma substância conhecida como octenol, cujo odor estes insetos podem perceber, inclusive, a 50 quilômetros de distância.
Até agora ainda não se conseguiu esclarecer por completo a que se devem essas preferências, mas existe uma série de fatores que podem influenciar.

Tipo de sangue

 

 

Por ser o sangue o seu alimento, não é nada estranho que prefiram alguns tipos específicos.
Em uma investigação realizada no Japão foi detectado que os mosquitos têm uma estranha preferência pelas pessoas de sangue do tipo O, até mesmo o dobro quando comparando com as  de tipo A.
Seu segundo tipo de sangue preferido é o do grupo  B, mas tudo dependerá das segregações químicas, que são as que permitem a sua detecção.

Dióxido de carbono

Pois é! Basta respirar para ser um dos alvos dos mosquitos. Acontece que os mosquitos preferem as pessoas que emitem mais dióxido de carbono em vez  das que o exalam em menor quantidade.

Tomar cerveja

Outro estudo publicado no Journal of the American Mosquito Control Association, revelou que o simples fato de tomarmos cerveja pode nos tornar mais atraentes para esses 
chupa-sangue.
Na investigação, descobriu-se que beber 350 mililitros de cerveja, com uma concentração de 
5,5% de álcool, aumenta o risco de sofrer picadas.

Atividade física

Outro dos métodos que os mosquitos utilizam para encontrar as suas vítimas é através da percepção do odor do ácido láctico, do ácido úrico e de outras substâncias que são eliminadas pelo suor quando se faz exercício.
Além disso, durante essa atividade, a temperatura corporal aumenta, o que nos torna ainda mais suscetíveis às picadas.
Por outro lado, os fatores genéticos podem ter algo a ver, ao influenciarem na quantidade de ácido úrico e de outras substâncias que cada pessoa liberta.

As bactérias da pele

Com as bactérias da pele podem ocorrer duas coisas: a primeira é que aumentam a atração dos mosquitos, especialmente se emanarem algum tipo de mau cheiro.
Contrariamente, outros tipos de bactérias podem atuar como protetoras contra esses insetos, ao reduzirem a sua capacidade para detectá-las.
Isso explica por que, geralmente, os mosquitos picam com mais frequência nos tornozelos
 e nos pés, pois são as partes onde mais abundam as bactérias.

Vestir determinadas cores

Pode parecer um pouco absurdo, mas os mosquitos podem usar tanto a visão como o olfato para localizar com precisão as suas vítimas.
Para não ser o seu foco de atenção, ao sair para o ar livre, não é aconselhado o uso de
 peças de roupa escuras. Assim sugeriu um estudo realizado pelo Dr. Koehler, que descobriu 
que a cor favorita desses bichos é o preto, seguido do vermelho e de outras cores como a
 cinza e o azul.

O que fazer para diminuir a atração?

Por enquanto, não se conseguiu encontrar uma substância 100% eficaz para evitar as picadas dos mosquitos.
Diz-se que comer banana pode ajudar a afastá-los devido ao seu alto teor de vitamina B, mas
 não existe nenhuma prova científica disso.
O que pode atuar como uma barreira protetora é o  uso de produtos botânicos com 
citronela, óleo de eucalipto  ou o óleo de malaleuca, ainda que o efeito dure por 
pouco tempo.

 Fonte : Blog Dica e Afins

Postar um comentário

SERÁ QUE OS OVOS DE CASCA ESCURA SÃO MAIS SAUDÁVEIS DO QUE OS BRANCOS? A ideia de "não julgar um livro pela sua capa" pode func...