sábado, 18 de abril de 2015

5 MISTÉRIOS JAMAIS SOLUCIONADOS


A ARCA DE NOÉ

060309_noahsark_hmed_1p.hmedium
Conhecido como “a anomalia de Ararat”, esse estranho lugar no relevo do monte Ararat, na Turquia, é creditado como a Arca na qual o personagem bíblico Noé teria salvo as espécies do dilúvio.
Foi avistado pela primeira vez em 1949, pela força aérea dos EUA, e fica bem na fronteira entre a Turquia e o território então soviético. É considerado um ponto secreto e onde é proibido ir, e sobre o qual, como você pode imaginar, o governo “não tem nada a dizer”.

OS VÓRTICES DO MAL

Vile_Vortices_Map

Essas dozes áreas distribuídas quase que uniformemente no globo agem como o Triângulo das Bermudas, o ponto mais conhecido delas, que altera a atividade eletromagnética de aparelhos eletrônicos e faz sumir embarcações e aviões gigantes como se jamais tivessem existido.

O CASO FREDERICK VALENTICH

Valentichplaque
Ocorrido em outubro de 1978, o evento se deu com o desaparecimento de Frederick, então com 20 anos, que pilotava um jato Cessna 182L na Austrália quando repentinamente sumiu.
Antes disso, informou via rádio ter encontrado um veículo que se movia na mesma velocidade de sua aeronave, que estava flutuando ao redor dele.
Nenhum vestígio de Frederick ou seu avião jamais foram encontrados. Suas últimas palavras foram “Essa estranha nave está voando sobre mim. Está sobre mim e não é uma nave”.

A CHUVA VERMELHA DE KERALA

Red_rain_Kerala
Entre 25 de julho e 23 de setembro de 2001, uma misteriosa chuva avermelhada caiu sobre Kerala, na Índia, e ninguém sabe explicar por quê. Além da chuva cor-de-sangue, também houveram registros de chuva preta, amarela e verde, que sempre era precedida por um forte trovão, que chegava a queimar as folhas das árvores.
Também foram relatadas aparições misteriosas de poços artesianos. A explicação dada na época foi baseada em esporos de algas pirrofíceas, como as dos oceanos, mas houve até quem dissesse que as tais algas eram alienígenas.

O INCÊNDIO DE JEANNIE SAFFIN

fire

Esse famoso caso de combustão espontânea aconteceu na frente de testemunhas, diferente da maior parte dos casos, onde somente os (restos de) cadáveres são encontrados. Tudo se deu em torno das 4 da tarde, em 15 de setembro de 1982, quando Jeannie, que tinha 61 anos, explodiu na frente de seu pai, que a viu em chamas, em especial nas mãos e no rosto.
Em seguida, ela não esboçou nenhuma reação, mas apenas se sentou com as mãos no colo. O pai tentou à levar até a pia, queimando-se gravemente, mas Jeannie entrou em coma e morreu 8 dias depois. Saiba mais sobre outros casos aqui.
fonte:http://www.uphumor.com.br/2015/04/08/5-misterios-jamais-solucionados/
Postar um comentário

SERÁ QUE OS OVOS DE CASCA ESCURA SÃO MAIS SAUDÁVEIS DO QUE OS BRANCOS? A ideia de "não julgar um livro pela sua capa" pode func...