domingo, 13 de abril de 2014


Qual a origem da palavra ladrão? E tamanco? Essas e outras veja aqui!

O título atribuído a oficiais da aeronáutica, brigadeiro, passou a nomear o doce feito de leite condensado e chocolate após uma campanha eleitoral. De acordo com o dicionário Houaiss, o doce era feito por senhoras com o fim de arrecadar fundos para a campanha do brigadeiro Eduardo Gomes (UDN) à presidência da República em 1945. As eleições foram vencidas pelo general Eurico Gaspar Dutra (PSD), que recebeu apoio de Getulio Vargas


A palavra larápio veio do latim. Uma das versões de sua origem conta que havia em Roma um pretor de nome Lucius Antonius Rufus Appius que assinava L. A. R. Appius e passava sentenças favoráveis a quem melhor por elas pagasse. Assim, larápio se tornou designativo de qualquer pessoa que agisse de modo desonesto


 
As palavras sabotar e sabotagem têm origem no francês 'saboter' e 'sabotage'. Os termos surgiram de um tipo de tamanco de madeira chamado 'sabot', em francês. No final do século 19, 'sabotage' aparece pela primeira vez em um jornal operário com o sentido de destruição clandestina, segundo o linguista francês Bernard Cerquiglini. Apesar de controverso, algunsestudiosos da etimologia acreditam que a palavra surgiu quando operários passaram a usar seus tamancos sabots para quebrar as máquinas e, assim, 'sabotar' o trabalho


 
A palavra caju, em português, vem do tupi aka'yu. Na língua indígena, aka'yu significa ano de existência, pois a contagem do tempo era feita a partir da frutificação dos cajueiros


 
Favela é o nome de uma árvore com espinhos e flores brancas comum na Bahia. Segundo o dicionário Houaiss, o uso da palavra favela como habitação popular surgiu após a Guerra de Canudos, quando os soldados ficaram instalados em um morro da região conhecido por favela pelo número de árvores favela. Ao voltarem ao Rio de Janeiro, alguns desses soldados se estabeleceram com suas famílias no alto do morro da Providência e passaram a chamá-lo morro da Favela, por semelhança


 
A origem da palavra azar é árabe. Segundo o dicionário Aulete, Az-zahr era a palavra usada para designar flor e, por extensão, passou a ser usada para nomear os dados, que tinham uma flor pintada em uma de suas faces. Do jogo de dados veio a palavra azar no português, usada para designar a sorte, o acaso e a desgraça


 
A palavra galera dá nome a embarcações de guerra que eram movidas por pessoas condenadas a remar. Por extensão, o substantivo passou a ser usado para designar o grupo de pessoas condenadas a remar. Hoje o termo é usado para um grupo de pessoas que têm em comum uma qualidade marcada ou um relacionamento. Na foto, a atriz Sophie Charlotte com sua "galera sangue bom"


 
Quem nasce em Salvador (BA) é soteropolitano. O gentílico surgiu da helenização do nome da cidade: Soterópolis. 'Soter' é salvador em grego e 'pólis' significa cidade


 
A palavra biscoito vem do latim 'bis' (duas vezes) somado a 'coctus' (cozido) e era usado para designar massas que tinham de ir ao forno duas vezes. A origem explica o uso da palavra não só para designar alimentos de farinha, mas também o uso na química para elementos de cerâmica que são queimados antes de serem vidrados, de acordo com o dicionário Houaiss


 
A palavra gravata vem do francês 'cravate'. O nome surgiu com a cavalaria croata mercenária que prestava serviços ao rei francês Luís 13. O uniforme da cavalaria compreendia um pedaço de tecido branco usado em torno do pescoço


 
A palavra trabalhar vem do verbo latino 'tripaliare', derivado de 'tripalium', que era um instrumento romano de tortura formado por uma espécie de tripé com três estacas cravadas no chão


 
A palavra fígado tem origem latina na expressão jecur ficatum: 'alimentado com figos'. Isso porque os proprietários alimentavam com figos as aves cujo fígado viraria comida


 
A palavra Mausoléu remete à história do túmulo de Mausolo, rei da Cária, antiga cidade da Ásia Menor. A tumba construída próxima ao ano de 350 a.C. tinha cerca de 45 metros de altura e ficou conhecida como o 'Mausoléu de Halicarnasso'. A obra era considerada uma das sete maravilhas do Mundo Antigo


 
Banguela passou a ser usado para designar pessoas sem dentes por aproximação com os 'benguelas', nome dado a africanos nascidos na região de Angola. Segundo o Dicionário Houaiss, no passado os benguelas costumavam limar os dentes incisivos. Na foto, uma imagem de Eva Longoria editada para tirar os dentes em um tumblr "Actresses Without Teeth"




 Retirado do uol.com.br
Postar um comentário

SERÁ QUE OS OVOS DE CASCA ESCURA SÃO MAIS SAUDÁVEIS DO QUE OS BRANCOS? A ideia de "não julgar um livro pela sua capa" pode func...