terça-feira, 17 de setembro de 2013


Pessoas reais que ilustram marcas famosas


Muitos logotipos de marcas famosas trazem figuras humanas em seu desenho. Algumas delas são totalmente fictícias: é o caso do senhor que ilustra as embalagens da aveia Quaker e da garota que estampa o leite condensado Moça. Há marcas, no entanto, que se inspiram em pessoas reais para criar as figuras dos logos.
Gina
A moça que estampa a marca de palitos mais famosa do Brasil não se chama Gina. O nome dela é Zofia Burk, polonesa radicada no Brasil. Em 1975, quando a garota-propaganda foi lançada, Zofia era uma influente publicitária e modelo, que aparecia em comerciais de produtos diversos. Hoje, beira os 60 anos e mora em São Paulo.





KFC
Quem estampa o logo da rede de fast food especializada em frango frito é seu próprio fundador, Harland Sanders. Ele abriu a primeira loja em 1930, em Kentucky (Estados Unidos), aos 40 anos, apesar de já cozinhar desde os 6. Na verdade, tratava-se de um posto de gasolina que também servia comida. O lugar ficou tão popular que o governador do Estado deu a Sanders o título de Coronel Kentucky. Ele morreu em 1980, aos 90 anos.

Casa do Pão de Queijo

A senhora que estampa as embalagens dos apetitosos pães de queijo da marca mineira é Arthêmia Carneiro. Natural de Monte Alegre (Minas Gerais), a mãe do fundador da loja, o engenheiro Mário Carneiro, é a dona da preciosa receita. Apesar de a primeira loja ter sido aberta em 1967, o logotipo só veio em 1994, quando a marca foi reformulada para que todas as franquias tivessem o mesmo padrão. Dona Arthêmia morreu três anos depois, aos 92 anos.

NBA
O logo da liga norte-americana de basquete, criado em 1969, foi baseado em uma foto publicada na revista Sports Magazine. Tratava-se de Jerry West, jogador do Lakers, que parecia captar a essência dinâmica do jogo. West defendeu a equipe de Los Angeles durante 14 anos. Ele foi o terceiro jogador da história da NBA a atingir a marca dos 25 mil pontos em partidas oficiais.

Rolling Stones

















A característica boca que retrata a banda Rolling Stones talvez seja o logo mais icônico do mundo da música. O artista responsável pelo desenho é o inglês John Pasche. Ele se inspirou em Mick Jagger, vocalista líder da banda. “A primeira coisa em que qualquer pessoa repara em Jagger é o tamanho de seus lábios e sua boca”, justificou Pasche ao autor do livro “The Rolling Stones Philosophy”.

Banco Imobiliário
O personagem conhecido como Rich Uncle Pennybags (“tio rico saco de moedas”) foi criado na década de 1930, para ilustrar um jogo chamado Dig. Em 1985, o desenho foi adotado pelo mundialmente conhecido jogo de tabuleiro Banco Imobiliário. Rich Uncle é a caricatura de J. P. Morgan, influente banqueiro do século XIX. Morgan não conheceu a homenagem: ele morreu em 1913, duas décadas antes da criação de Rich Uncle.

Columbia Pictures
A figura que representa a famosa distribuidora de filmes foi inspirada na silhueta da atriz de Hollywood Evelyn Venable, que brilhou entre os anos 30 e 40. Conhecida por ter dado voz à fada de Pinóquio (1940), desenho da Disney, Evelyn largou a breve carreira em 1941 para se dedicar ao cuidado dos filhos. A atriz foi ainda professora universitária, antes de morrer de câncer em 1993.

Cigarrinhos Pan
O garotinho que ilustrava a embalagem dos Cigarrinhos de Chocolate Pan era o ator Paulinho Pompeia. Ele, que já passou dos 60 anos, atuou em “Malhação” e foi apresentador do Telecurso 2000, da Globo, entre outros trabalhos. Paulinho tinha 11 anos e trabalhava no Circo Garcia, em São Paulo, como o palhaço Berinjela, quando foi descoberto pela marca de chocolates. Um rapaz que trabalhava na Pan gostou da apresentação dele e o chamou para fazer as fotos.

Texto adaptado de guiadoscuriosos.com.br
Postar um comentário

VIAJE NA HISTÓRIA COM ESTAS 15 CURIOSIDADES ALEATÓRIAS SOBRE O ANTIGO EGITO 1 – O legado arquitetônico deixado pelos antigos egípcios é u...