sábado, 29 de dezembro de 2012


7 smartphones Android para todos os gostos e bolsos

Smartphones Android
Abaixo sete aparelhos Android em várias faixas de preço, assim você não vai precisar sacrificar o presente da tia para conseguir o smartphone que tanto quer. Falando em preços, os mencionados são a média de mercado no momento em que esta postagem foi feita, e levam em consideração o preço “cheio” (ou “pré-pago”), sem subsídio com um plano de uma operadora.

Quer o melhor dos melhores? Vá de Galaxy S III e RAZR HD

Se o preço não importa e você faz questão do melhor, tem duas ótimas opções: o Samsung Galaxy S III (R$ 1.800), que chegou ao Brasil no início de junho, e o Motorola RAZR HD (R$ 1.500), que desembarcou por aqui no final de setembro.

O Galaxy S III é um dos smartphones Android mais poderosos, e o parâmetro contra o qual todos os outros aparelhos são comparados. Tem um processador quad-core de 1.4 GHz, 16 GB de memória interna (expansível com cartões microSD), uma belíssima tela de 4.8” com resolução HD e uma câmera de 8 MP que faz belas fotos. É ótimo em qualquer tarefa, de simples navegação na web aos jogos mais sofisticados.

Samsung Galaxy S III
Samsung Galaxy S III nas cores branca e "azul"
Já o RAZR HD é o primeiro smartphone no mercado nacional compatível com redes 4G, embora elas ainda não estejam em operação comercial. Tem uma tela de 4.7” também com resolução HD, câmera de 8 MP e 16 GB de memória interna (expansível com cartões microSD). Seu processador dual-core de 1.5 GHz não é, no papel, tão poderoso quanto o do Galaxy S III, mas a diferença nas tarefas do dia-a-dia, incluindo jogos sofisticados, é imperceptível. Seu principal destaque é a autonomia de bateria: a Motorola promete “o dia inteiro” e cumpre: conseguimos uma média de 19 horas e meia com uma carga em uso típico.

RAZR HD
RAZR HD: o primeiro preparado para as novas redes 4G

Para o dia-a-dia, uma boa pedida é o RAZR i

Poderoso, equilibrado e com um preço bastante atraente, o Motorola RAZR i (R$ 1.200) é uma ótima opção para quem procura um aparelho que aguente todas as demandas do dia-a-dia sem gastar muito. O processador Intel Atom single-core de 2 GHz tem desempenho equivalente aos processadores ARM dual-core de 1.2 GHz em aparelhos como o Galaxy S II, RAZR e Galaxy X.

Motorola RAZR i
Motorola RAZR i: bom desempenho e boa autonomia de bateria
A memória interna é de 8 GB, expansível com cartões microSD, e no geral a câmera de 8 MP faz boas fotos, embora sofra com uma perda de nitidez em ambientes pouco iluminados. A tela tem o mesmo tamanho (4.3”) e resolução (540 x 960 pixels) da tela do Motorola RAZR ou RAZR MAXX, mas graças a um design inteligente, com bordas finas, o aparelho é muito menor, com um tamanho similar aos equipados com telas de 4” como o Galaxy S II Lite. O tamanho compacto, aliado ao chassis em alumínio, passa uma sensação de solidez. E a autonomia de bateria é muito boa, cerca de 17 horas de uso típico.


Galaxy S II Lite e Xperia P tem preço acessível

Se você não quer ou não pode gastar muito, a recomendação é o Samsung Galaxy S II Lite (R$ 900). O “irmão menor” do carro-chefe da Samsung no ano passado economiza em alguns pontos como o tamanho da tela (4”, em vez de 4.3”), processador (dual-core 1.0 GHz, em vez de 1.2 GHz) e câmera (5 MP, em vez de 8 MP), mas ainda assim tem bom desempenho e ótimos recursos, numa faixa de preço que antes era ocupada por aparelhos bastante inferiores.

Galaxy S II Lite
Galaxy S II Lite: bom recursos e preço acessível
Um aparelho similar é o Sony Xperia P (R$ 900), que tem o mesmo processador do Galaxy S II Lite, mas uma câmera melhor (8 MP), tela com resolução mais alta (540x960 pixels) e uma saída HDMI nativa. Mas há alguns detalhes que podem incomodar alguns usuários: não há entrada para cartões microSD (mas há 16 GB de memória interna), a bateria é fixa e a autonomia deixou um pouco a desejar.

Xperia P
Xperia P: preço similar ao do Galaxy S II e mais poderoso, mas bateria deixa a desejar


RAZR MAXX e Huawei Honor tem bateria para ir longe

Você pode ter o smartphone mais poderoso do mundo, mas com uma bateria descarregada ele não passa de um peso de papel. E no quesito bateria, dois aparelhos nos surpreenderam: o Motorola RAZR MAXX (R$ 1.200) e o Huawei Honor (R$ 899).

RAZR MAXX
RAZR MAXX: um RAZR com bateria (bem) maior
O RAZR MAXX é basicamente o Motorola RAZR, lançado em dezembro de 2011, com uma imensa bateria de 3.300 mAh. Não é o aparelho mais poderoso do mercado (está no mesmo nível do Galaxy S II e RAZR i), mas com certeza é um dos que tem a maior autonomia: chega a passar de 18 horas em um dia com uso intenso do 3G. Nas mãos de um usuário típico, é o suficiente para durar o dia inteiro, e ainda sobrar um pouco para a manhã seguinte.

Já o Huawei Honor chegou a 16 horas de autonomia sob uso intenso, mas surpreendeu em um fim de semana com mais de 31 horas de uso leve. Quando em espera, sobre a mesa, ele consome quase nada de bateria. Mais surpreendente é ver essa autonomia em um aparelho na faixa dos R$ 900.

Huawei Honor
Huawei Honor: baixo custo e grande autonomia


Android ou iPhone?

A “briga” Android vs. iPhone é mais uma questão de gosto pessoal do que de hardware, e em ambos os lados há aparelhos excepcionais. Entre os Android há uma variedade muito maior, por causa do número maior de fabricantes, o que leva também a uma competição que torna os preços acessíveis. Quer um smartphone com TV? Dual-Chip? Com 4G? Com uma tela enorme? Com uma câmera de 12 MP? Tudo isso está disponível entre os modelos com o sistema da Google.

Já no caso do iPhone suas escolhas se limitam ao modelo deste ano (iPhone 5) e os dos anos anteriores (4S e 4). Onde o aparelho da Apple brilha é no ecossistema: os apps “da moda”, especialmente jogos, costumam surgir primeiro na plataforma da Apple e a oferta de acessórios, de capinhas a docks com caixas de som, é muito maior. E as atualizações de sistema são rápidas e garantidas (geralmente por dois anos), sem a agonia da espera comum entre os usuários de Android. Por outro lado, os preços são mais altos.

A dica é: antes de se decidir por uma plataforma, defina quanto pode gastar e o que espera de seu aparelho. Depois vá a uma loja, experimente ambas e fique com a que mais lhe agrada.


Vai atualizar?

A pergunta que mais ouvimos quando falamos de um novo smartphone Android é “vai atualizar para a versão X?”. A atualização é realmente um ponto fraco: a Google apenas desenvolve o sistema, e fica a cargo dos fabricantes decidir quais de seus aparelhos serão atualizados, quando e como.

Geralmente o processo demora, e o rápido ciclo de desenvolvimento do sistema (com uma nova versão a cada seis meses) gera situações como aparelhos que são atualizados para o Android 4.0 às vésperas do lançamento da versão 4.2 (duas gerações à frente). Contraste com o iOS, da Apple: novas versões estão disponíveis em todos os aparelhos suportados ao mesmo tempo.

A dica é nunca comprar nenhum smartphone Android contando com uma promessa de atualização. Assim você não irá passar meses recarregando a página do fabricante ou vasculhando fóruns em busca de novidades e não ficará frustrado se uma atualização prometida nunca for lançada (como já aconteceu antes). Compre o aparelho se ele lhe atende como é hoje. Se ele for mesmo atualizado, será uma grata surpresa.

Mas se você faz questão de ter sempre à mão a versão mais recente do sistema operacional, tem uma opção: os aparelhos da linha Nexus, da Google. Eles são criados como “garotos propaganda” do Android e plataforma de desenvolvimento, e sempre são os primeiros a receber atualizações. Geralmente a Google atualiza um Nexus por cerca de dois anos após o seu lançamento, embora não haja uma garantia “por escrito”.

Galaxy Nexus
Galaxy Nexus: atualizações de sistema garantidas
Atualmente a família Nexus conta com um smartphone, o Nexus 4, e dois tablets, o Nexus 7 e o Nexus 10, todos lançados neste ano. O smartphone anterior na linha, o Galaxy Nexus (Galaxy X no Brasil, R$ 1.500) ainda pode ser encontrado nas lojas. Todos rodam o Android 4.2 “Jelly Bean”, anunciado em outubro deste ano.

Fonte: IDG Now!


Leia Mais http://www.oblogdoseupc.com.br/2012/12/7-smartphones-Android-para-todos-os-gostos-bolsos.html#ixzz2GShDC8wS
Postar um comentário

 CONHEÇA 7 PESSOAS QUE MORRERAM DE FORMA BESTA De acordo com a Organização Mundial da Saúde, entre as principais causas de morte no pla...