terça-feira, 31 de julho de 2012


Racismo faz a primeira vítima nas Olimpíadas


A praga do racismo fez hoje a primeira vítima nas Olimpíadas de Londres. A atleta do salto triploVoula Papachristou, foi sumariamente expulsa da delegação nesta quarta-feira (25/07) pelo Comitê Olímpico da Grécia, acredite você, por causa de comentários considerados racistas postados por ela no Twitter. Tão bonita e tão idiota!

O alvo dos comentários da grega foram os imigrantes africanos, principalmente os egípcios, a respeito de quem ela twittou:

"Com tantos africanos na Grécia... Pelo menos os mosquitos do Nilo comerão comida caseira!!!".

A frase postada por Voula faz referência à gripe do Nilo, uma doença que pode ser fatal e que é provocada por um vírus transmitido pelo mosquito do Nilo. Neste verão, 180 pessoas já foram infectadas e pelo menos uma morreu.


Ela foi retirada da equipe olímpica por comentários contrários aos valores e ao pensamento do movimento olímpico - foi a mensagem da nota distribuída pelo Comitê.


A bela Voula Papachristou

Depois da burrada, a atleta postou um pedido de desculpas em sua página no Facebook, penitenciando-se por sua "piada desagradável e sem graça".

- Lamento muito e estou muito envergonhada, pois nunca quis ofender ninguém ou atingir os direitos humanos. Gostaria de me desculpar com todos amigos e competidores que eu tenha ofendido ou envergonhado - disse a linda Voula, que vai voltar pra casa sem competir. Perde o esporte olímpico. Medalha de ouro para a intolerância. O comitê grego agiu corretamente? Voula mereceu a punição? Deixe a sua opinião.


Postar um comentário

CONHEÇA A HISTÓRIA POR TRÁS DE UM DOS BEIJOS MAIS FAMOSOS DO PLANETA Você com certeza já viu a foto acima centenas de vezes, não é mesmo?...