terça-feira, 17 de julho de 2012

Obsessão: Britânica viciada em água bebe mais de 44 litros por dia


Beber bastante água é, normalmente, um hábito saudável – mas para algumas pessoas o simples hábito pode ser um problema.
Sasha Kennedy, 26, carrega consigo grandes garrafas de água para qualquer lugar que vá. Além disso, seu vício não a deixa dormir longamente: a cada 1 hora ela acorda para beber água.
Devido ao hábito extremo, ela vai mais de 40 vezes por dia ao banheiro eliminar o excesso de líquido e já chegou a pedir demissão de vários empregos por considerar que a água do local não era boa.
Apesar de sua ingestão diária ultrapassar o valor máximo recomendado por médicos britânicos de 3,5 litros, ela diz que não apresenta nenhum problema de saúde.
Se eu sentir minha boca começar a ficar seca eu tenho que tomar uma dose de água – eu só consigo me focar nisso. As pessoas não imaginam que alguém possa tomar tanta água até me conhecer. Elas simplesmente não acreditam no que veem”, disse Sasha ao portal DailyMail.
Eu sinto sede praticamente o tempo todo e sempre quero beber água – é um hábito realmente viciante. O sono mais longo que já tive foi de 1 hora e 15 minutos, porque estou sempre querendo beber água ou ir ao banheiro”, salientou.
O problema começou na infância e seus pais preocupados a levaram ao médico. Os exames não mostraram nenhum problema. Já com 6 anos de idade seu hábito tornou-se preocupante e sua mãe colocava jarros de água na cabeceira de sua cama.


Ela começou a levar garrafas de água para escola e ficava sempre do lado dos bebedouros nos intervalos, evitando brincar com outras crianças. Durante mais de 13 anos ela tomou 26 litros de água por dia.
Nesse momento meus pais pararam de colocar simples jarras e substituíram por galões de 5 litros. Quando eu tinha 16 anos fui trabalhar em um depósito de sapataria. Quando perceberam o tanto de água que eu tomava, moveram o bebedouro para ficar do lado de minha mesa”, comentou Sasha.
Aos 20 anos o consumo aumentou para 35 litros por dia quando começou a trabalhar em uma empresa de telecomunicações em 2007. Atualmente ela consome um volume que varia de 31 a 44 litros diariamente.
Especialistas dizem que a condição de Sasha é raríssima: “É possível ter uma overdose de hidratação e em casos extremos pode ser realmente perigoso, mas isso é muito raro”, comentou Dra. Emma Derbyshire.
Postar um comentário

SERÁ QUE OS OVOS DE CASCA ESCURA SÃO MAIS SAUDÁVEIS DO QUE OS BRANCOS? A ideia de "não julgar um livro pela sua capa" pode func...