domingo, 3 de junho de 2012

Cadelinha acompanha ciclista em percurso de 1.100 km

vira lata Xiao Sa 300x212 Cadelinha acompanha ciclista em percurso de 1.100 km
A incrível jornada da vira-lata Xiao Sa  começou nas ruas de Yajiang, província de Sichuan, China. Zhang Heng, um estudante de 22 anos de Hubei, decidiu participar de uma viagem de bicicleta de graduação a Lhasa, quando viu a pequena cadela deitada cansada na rua. Ele e seus amigos pararam para alimentá-la, e o cãozinho começou a segui-los. No início, pensaram que estava fazendo isso apenas por diversão e desistiria quando se cansasse, mas ela os seguiu dia e noite e sentiram que ela realmente queria ir com eles, então decidiram levá-la até o fim.
Acontece que os ciclistas estavam certos, Xiao Sa realmente queria acompanhá-los em sua viagem e ela mostrou uma determinação incrível ao longo dos 20 dias, correndo ao lado de seus novos amigos todo o caminho até Lhasa, Tibet. Ela viajou um total de 1.138 quilômetros, subiu dez montanhas de mais de 4.000 metros de altura, e correu a parte superior do circuito, onde muitos ciclistas preferem pegar o ônibus. A única parte da viagem onde Xiao Sa não correu foi uma encosta íngreme em Litang, onde a velocidade do downhill pode atingir 70 km por hora, o que tornava impossível acompanhar os novos amigos. Assim, ela foi de carona em uma gaiola especialmente preparada para que pudesse seguir na traseira de uma das bikes.
Sete dias depois de conhecerem sua pequena companheira peluda, os ciclistas abriram uma conta em um microblogging para ela. Chamado de “Go Go Xiao Sa”, a página recebeu mais de 37.000 visitas em duas semanas e cerca de 4.000 comentários, quando o grupo postou uma foto na frente do Palácio Potala, em Lhasa. Sua história se tornou viral, e outros ciclistas que viajam ao longo da mesma rota relataram a reunião Xiao Sa em sua jornada. Eles disseram que ela é muito inteligente e nunca se perdeu, mesmo quando passaram por montanhas e nunca parecia se cansar, até quando correu até 60 km por dia, todos morro acima.
video
Ao completar a sua viagem de 20 dias até Lhasa, Zhang He, o jovem que alimentou Xiao Sa em Yajiang, chamou a de “grande amiga” e disse que levaria a cadelinha para casa para cuidar dela, afinal não é qualquer um que acompanharia seus novos amigos de forma tão predestinada.
Postar um comentário

SERÁ QUE OS OVOS DE CASCA ESCURA SÃO MAIS SAUDÁVEIS DO QUE OS BRANCOS? A ideia de "não julgar um livro pela sua capa" pode func...