domingo, 10 de junho de 2012


Americana é viciada em comer sabonete, sabão em barra e em pó



  
Talvez existam coisas piores para se ser viciado, mas essa é definitivamene estranha e perigosa: a estudante Tempestt Henderson, 19 anos, da Flórida, EUA,é viciada em comer sabonete e sabão em pó.

Ela afirma que sempre gostou do cheiro do sabão em pó. Da primeira vez que ela lambeu a substância tóxica, já se sentiu viciada. Tempestt, estudante de enfermagem, sabia que aquilo poderia fazer mal à sua saúde, mas gostava tanto do vício que não pode ficar longe dele.

A garota afirma que se entregava ao desejo do sabão em pó assim que acordava, ignorando os rótulos de advertência. Antes disso, Tempestt começou a lamber as bolhas de sabão de sua pele durante o banho, e a chupar pequenos pedaços de sabonete. Ingeri-los parecia a ela muito mais limpo do que apenas se lavar com o produto.

Seis meses se passaram até que ela finalmente percebeu que estava se expondo a um perigo muito grande. Tempestt foi atrás de aconselhamento médico, e foi diagnosticada com PICA, uma condição rara que leva as pessoas a comerem substâncias não-nutritivas, como giz, metal e areia.

  
É geralmente causada por deficiência mineral, mas no caso Tempestt parece ser causada por estresse. Recentemente, ela havia passado por um fim de relacionamento que a magoou muito.

As complicações decorrentes da ingestão de produtos químicos tóxicos estavam pondo sua vida em risco, portanto os médicos lhe aplicaram uma terapia cognitivo-comportamental intensiva, para ajudá-la a pensar em coisas positivas quando ela sentisse vontade de comer sabão. 

Ela também foi encorajada a sair mais, fazer longas caminhadas e evitar lugares como banheiros e lavanderias. No banho, ela usa sabonete líquido, que por algum motivo não lhe parece interessante. A garota está “livre do vício” desde setembro de 2010.
Postar um comentário

Lei federal cancela carteira de habilitação vencida há mais de 30 dias? Uma corrente no WhatsApp circula com uma notícia falsa que ...