A Comparação do título não é mera forçação de barra, não: cientistas calcularam a quantidade de alimento consumido por todas as aranhas do mundo e descobriram que o valor é praticamente igual à quantidade ingerida por todas as baleias! O cálculo para isso é um pouco confuso, então senta que lá vem história...
Primeiro é preciso compreender que as aranhas são um dos predadores mais difundidos do planeta, com mais de 45 mil espécies conhecidas! Um novo estudo, publicado na revista The Science of Nature, tentou determinar a quantidade que todas as aranhas de todas as espécies comeriam somadas, e o resultado ficaria entre 400 e 800 milhões de toneladas de insetos por ano!
Para chegar a essa estimativa, foram usados dois métodos: um que calculava a quantidade de comida necessária para cada aranha com base em seu peso corporal e outro que analisava o impacto anual de suas presas mais conhecidas em determinados ecossistemas controlados.
Insetos são a principal fonte de alimento das aranhas

Rainha do buffet

Os dois métodos chegaram a números muito próximos: 400 a 800 milhões de toneladas de insetos são a base alimentar de 23 milhões de toneladas de aranhas. Curiosamente, esse valor é muito próximo ao estimado de consumo de todas as baleias do oceano, que varia de 280 a 500 milhões de toneladas de presas.
“Nossos cálculos nos permitem quantificar pela primeira vez, em uma escala global, que as aranhas são os principais inimigos naturais dos insetos”, analisa Martin Nyffeler, um dos autores do estudo. Segundo ele, as aranhas também contribuem muitíssimo para o equilíbrio ecológico da natureza.
É importante ressaltar que existem muito menos baleias do que aranhas no mundo, por isso a comparação faz algum sentido. Além disso, aracnídeos de florestas e pastagens consomem mais insetos do que seus parentes que vivem em desertos e tundras, por exemplo. A única coisa que eu quero é não virar presa nem das malditas octópodes e nem das gigantes dos mares...
Todas as baleias do mundo juntas comem o mesmo tanto que todas as aranhas reunidas