segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Veja 7 coisas que você nem imagina que possa estar comendo do jeito errado


O ato de comer deve ser algo simples: abrir a boca, colocar o alimento, mastigar e engolir. Mas, em algumas situações, esta necessidade básica da vida tem um conjunto de sutis complexidades que podem acabar complicando tudo.
Muitos alimentos são facílimos de consumir, enquanto outros exigem mais atenção na hora de morder, descascar ou de realizar “técnicas” para abocanhar, como um grande hambúrguer, por exemplo. Por isso, muitos sites e vídeos têm esclarecido diversas ocasiões em que estamos comendo alguns itens de forma errada.
É claro que cada pessoa pode comer do jeito que quiser, mas esses “tutoriais” nos informam dicas preciosas para deixar tudo mais fácil e mais limpo em muitos casos. Confira abaixo sete alimentos e as maneiras mais simples e práticas de consumi-los.

1 – Laranja e mexerica

Diply
Essa forma de descascar laranjas e mexericas vai lhe surpreender. O primeiro passo é pegar uma faca e cortar fatias pequenas na parte superior e inferior da fruta. Em seguida, corte uma abertura na parte lateral e pronto! Agora é só “desenrolar” a laranja, deixando uma agradável e suculenta linha de gomos para serem degustados.

2 – Banana

A maioria das pessoas começa a descascar a banana a partir da ponta que tem uma haste mais alongada. Mas, se você descascar começando pelo outro lado, será muito mais fácil, pois ali a fruta contém menos partes fibrosas. Esta é também a maneira com que os macacos abrem as suas bananas, então podemos ter a garantia de quem entende do assunto.

3 – Cupcake

9gag
Cupcakes são bolinhos lindos com recheio e uma boa dose de cobertura cremosa. Muitas vezes, pode ser um verdadeiro desafio comer essa guloseima sem sujar toda a mão, a boca e até o nariz.
A maioria das pessoas come o cupcake de duas formas: a primeira é retirando o papel da forminha e dando a mordida com a boca bem aberta para conseguir envolver a massa e o recheio sem se lambuzar (o que é quase impossível). A segunda forma é comendo a cobertura antes e o bolinho depois.


Mas a maneira mais fácil e genial de comer o cupcake é simplesmente retirando o seu fundo delicadamente e colocando-o em cima da cobertura, como um sanduíche! Dessa forma, ele pode ser consumido sem dar aquela sujada de creme no nariz e aproveitando melhor os sabores da cobertura e da massa juntos.

4 – Asinhas de frango

Certamente, não existe uma maneira limpa de comer asinhas de frango com as mãos. Mas tem como deixar essa situação menos bagunçada e mais simples para comer, tirando o máximo proveito da carne.
BuzzFeed
A técnica consiste em girar e remover a cartilagem de junção entre os ossinhos, o que faz com que eles se soltem facilmente para serem retirados. Confira mais detalhes no vídeo acima.

5 – Manga

Imgur
Você já imaginou descascar manga com a ajuda de um copo? A técnica é bem bacana e faz menos sujeira do que a forma comum de descascar. Além disso, pode ser feita também com copos firmes de plástico.



6 – Toblerone




Existe um jeito mais simples de quebrar os pedaços desse chocolate tão conhecido. Mas, é claro, essa é apenas uma sugestão, pois você pode comê-lo do jeito que quiser. Nessa técnica, o polegar é utilizado para quebrar e segurar cada pequeno triângulo da guloseima. Confira no vídeo.

7 – Maçã


Você sabia que a maioria das pessoas desperdiça cerca de 30% de cada maçã consumida? Geralmente, deixamos de lado a parte do cabinho e do fundo. No entanto, existe um jeito de aproveitar a maçã inteira, começando pela parte de baixo. Confira o vídeo acima e se surpreenda. Para onde foram as sementes?
FONTE(S)

12 dicas para universitários que você não vai aprender na faculdade

Falta de tempo, de espaço, e de dinheiro… Quem é universitário deve sofrer todos esses problemas, né? E se mora sozinho então? A situação piora! rs E é nessas horas que a gente vê como toda dica para economizar tempo, espaço e dinheiro é bem vinda! Por isso, separamos 12 dicas bem simples e práticas para dar uma mãozinha!
1 – Use a tampa da sua caneta para fechar aquele pacote de salgadinho que você abriu e não terminou.
2 – Com certeza você nunca pensou nisso, mas o rolo de papel higiênico é ótimo para manter suas canetas organizadas.
3 – Fica com o notebook ligado o dia inteiro? Uma caixa de ovo pode ser um ótimo suporte, é a solução mais barata para evitar o superaquecimento da máquina.
4 – Fazer o cabide e use de porta papel toalha.
5 – Divide o guarda roupa com mais pessoas? Guardar as camisetas assim pode ser uma ótima solução.
6 – As latinhas de refrigerante são ótimos porta lápis e canetas.
7 – A caixinha de tic tac pode ser um ótimo apontador.
8 – Use a lata da batatinha para guardar macarrão.
9 – Guarde a caixa de bebidas assim para caber certinho no frigobar.
10 – Limpar o teclado do seu computador ou do seu notebook com um post-it.
11 – Já pensou em usar a cafeteira para cozinhar macarrão?
12 – A tampa da caixa de pizza é capaz de servir como uma ótima pá.
E aí, curtiu as dicas? :D
Fonte:http://blog.maisestudo.com.br/12-dicas-para-universitarios-que-voce-nao-vai-aprender-na-faculdade/

sábado, 27 de dezembro de 2014



Praticamente impossível escapar da Google – ela está em todos os lugares. O buscador é o mais utilizado da internet, o YouTube é dela, o serviço de e-mail e o navegador são extremamente funcionais, os mapas são completos, o sistema operacional móvel é o mais popular do mundo, o tradutor pode salvar você em momentos de aperto, o sistema de publicidade é altamente rentável... São inúmeros os exemplos. Mesmo sendo um grande fã da empresa, você possivelmente ainda não usou todos os serviços oferecidos por ela, tamanha a quantidade de ferramentas e páginas existentes.

Desde a fundação da companhia, em 1998, fatos curiosos e números inacreditáveis fazem parte da história da Google. Alguns já são de conhecimento da maioria da população conectada que não vive sem esses serviços, enquanto outros são um pouco mais obscuros. Abaixo, fizemos uma seleção só com o que de mais incrível aconteceu com a gigante em todos esses anos de vida.

1. Massagem nas costas

O primeiro nome do buscador de Larry Page e Sergey Brin foi "BackRub". O sistema foi criado em 1996 como um mecanismo que analisava dados baseados em backlinks, páginas da internet com redirecionamento para outra postagem — como a página de resultados do Google ou um texto com "Clique aqui para saber mais". O curioso é que o termo significa literalmente, em português, "esfregar as costas". Já pensou se o nome continuasse esse?

2. "Aff, estagiários"

Em busca de um nome melhor, a ideia era achar um termo que fosse relacionado a "catalogar uma imensa quantidade de dados". O que surgiu foi o termo "googol", que é 10 elevado à centésima potência, e "googolplex", 10 elevado a um googol. Enquanto procurava por domínios de hospedagem, Sean Anderson, um dos assistentes de Larry e Sergey, errou a escrita da palavra e pesquisou por "Google.com", que estava livre. A dupla curtiu o neologismo e registrou a página em 15 de setembro de 1997.

3. O primeiro doodle


Quase todos os dias, a página inicial do buscador está diferente, com a logo desenhada em um dos chamados doodles. Mas qual foi o primeiro? Em 30 de agosto de 1998, Larry e Sergey viajaram para o Burning Man Festival, um evento de arte e expressão que acontece no deserto de Black Rock, em Nevada. Para avisar ao público que o site estava sem manutenção e sem a presença dos fundadores durante o fim de semana, a logo do festival foi colocada junto ao nome.

4. Brincando de Google


Lidar com tantos dados e algoritmos não é fácil hoje e era muito pior em 1996. O primeiro equipamento de armazenamento da empresa consistia em dez unidades de disco de 4 GB (tecnologia de ponta na época) dispostas em um grande e colorido bloco de LEGO. O gabinete foi montado assim por ser facilmente expansível, desmontável e, acima de tudo, barato.

5. Já carregou?


A página inicial do buscador é minimalista e objetiva, mas ela começou assim só porque Larry e Sergey não eram grandes conhecedores de HTML para algo mais elaborado. O estranhamento inicial foi grande: nos primeiros testes, as pessoas encaravam o monitor por vários segundos esperando que mais algum elemento fosse carregado naquela tela excessivamente branca.

6. A primeira vez ninguém esquece

Notícias da Google comprando startups ou grandes empresas hoje são rotina. Porém, a primeira aquisição da companhia aconteceu em 2001: foi a Deja News, um sistema de busca que listava mensagens postadas em grupos de discussão Usenet. O banco de dados histórico de artigos, notícias e outros conteúdos até já foi cedido para consultas de universidades e foi transformado nos "Grupos do Google".


7. Google, propriedade do Yahoo!?

Historicamente um dos grandes rivais do Google, o Yahoo! poderia ser, na verdade, dono do atual líder do mercado de buscas. Em 2002, o CEO, Terry Semel, teve recusada uma oferta de US$ 3 bilhões paracomprar a empresa de Mountain View. Em uma reunião com o conselho, Semel recebeu a informação de que um valor justo seria US$ 5 bilhões — quase todo o orçamento de negócios daquele ano. Como a Google era menor e menos rentável que o concorrente, o executivo bateu o pé e se recusou a fazer uma nova proposta.


8. Surra na bolsa de valores

A Google abriu o capital no mercado de ações (a chamada IPO) em 2004 e terminou o primeiro dia de negociações com US$ 85 por unidade — um fracasso para a época e para a empresa, que tentava comercializá-las a US$ 100. O mundo dá voltas e, em dez anos, elas valorizaram 1.294%. Se você investisse US$ 10 mil na época e guardasse os papéis, eles valeriam hoje cerca de US$ 139,4 milhões.


9. "Just google it"


O verbo "google" (que em português poderia muito bem ser algo como "googlear") foi inserido nos renomados dicionários Merriam-Webster e Oxford English Dictionary em 2006. Dentro da empresa, dois termos foram criados para os funcionários: os "googlers" são os veteranos da casa, e os "nooglers" são os novatos, aqueles que usam um chapéu colorido com uma hélice no topo.

10. Estreias

Feito em 25 de fevereiro de 2009, o primeiro tweet da conta oficial da Google foi "I'm feeling lucky" ("Estou com sorte"), com as duas últimas palavras escritas em binários. A postagem inicial no Facebook foi em 27 de julho do mesmo ano, mas foi um recado tradicional.


11. Números incríveis

O Google processa em média 40 mil pesquisas por segundo, resultando em 3,5 bilhões de buscas por dia e 1,2 trilhão de buscas do no ano em todo o mundo. O site já achou mais de 30 trilhões de URLs únicas e captura cerca de 20 bilhões de sites novos a cada dia — sendo que retira vários outros por inúmeros problemas, como infringir direitos autorais.


12. Um mundo de novidades

De acordo com dados de 2012 da própria empresa, de 16% a 20% das buscas feitas todos os dias no Google são novidades, ou seja, coisas que nunca haviam sido perguntadas antes (ou escritas em uma determinada combinação de palavras).


13. Onde tudo é guardado


Além dos supercomputadores, os atuais data centers da Google são formados por conjuntos de tubulações que levam água para resfriar os equipamentos, além de incontáveis fios que, nas fotos oficiais, parecem bem organizados. As redes de fibra óptica que ligam os prédios são 200 mil vezes mais rápidas que uma conexão residencial de internet. Seis deles estão nos EUA. Finlândia, Chile, Singapura, Taiwan, Bélgica e Irlanda têm uma unidade cada.

14. A personificação do Gmail

O Gmail tem mais de 500 milhões de usuários e, no início de 2014, uma pesquisa determinou quem é o "usuário-padrão" do serviço: são jovens adultos e magros do sexo masculino com tendências políticas liberais. Eles são solteiros, sem filhos, sem religião definida e gostam de ler blogs. A faixa etária está entre 18 e 34 anos.


15. Celeiro de craques


Contando com uma equipe de primeira, a Google também revela grandes executivos e engenheiros que, após um período na empresa, tornam-se estrelas de outros locais. Vigésima funcionária da história da companhia de Mountain View, Marissa Mayer virou CEO do Yahoo! e uma das mulheres mais poderosas da tecnologia. O brasileiro Hugo Barra é hoje o homem por trás da expansão da fabricante chinesa Xiaomi. O turco Orkut Büyükkökten criou a rede social mais nostálgica do Brasil como um projeto paralelo na época em que era engenheiro de software na empresa.


16. Stan, o dinossauro


O campus da Google conta com as famosas estátuas com as versões do Android, mas lá vive também um morador menos conhecido. Trata-se de Stan, o esqueleto de um T-Rex. A réplica é baseada no fóssil mais completo já descoberto da espécie — que também se chama Stan, uma homenagem ao descobridor dos restos da criatura. Encomendar uma escultura dessas do centro de paleontologia Black Hills Institute of Geological Research custa cerca de US$ 100 mil. O Stan da Google normalmente está coberto de estátuas de flamingos de plástico.


17. Trabalhe conosco

A cultura corporativa nas sedes da Google já não é segredo: o local está todo ano na lista de melhores empresas para se trabalhar. A estrutura de Mountain View, as "regalias" do ambiente de trabalho e o escritório com alimentação, entretenimento e diversão sem parar até viraram tema do filme "Os Estagiários" — ficcional e de comédia, é verdade, mas virou. São 42.162 funcionários só nos Estados Unidos.


18. "Méééé..."



Em 2009, foi noticiado que a empresa alugou 200 cabras de uma companhia em Mountain View para ajudar a cortar a grama do campus da empresa. As alternativas seriam agentes químicos ou cortadores de grama que consumiriam muito combustível. O bando era controlado pela border collie Jen e, ao mesmo tempo, deixava também o gramado cheio de fertilizantes naturais.


19. A Google é uma "dog person"

O código de conduta da empresa começa com o lema não oficial "Don't be evil" ("Não seja malvado"), mas várias outras informações interessantes estão lá. A empresa não esconde que gosta muito de cachorros — alguns funcionários do alto escalão podem levar os animais para o trabalho, e eles podem até ficar no escritório, mas atender ao chamado da natureza nos carpetes resulta em ficar de castigo em casa. Outros cães autorizados podem circular pelo campus. Gatos? "Nós gostamos de gatos, mas somos uma companhia de cães, portanto, como regra geral, achamos que gatos visitando nossos escritórios seria muito estressante", diz o regulamento.


20. O que você vê?

A porcentagem de resultados das buscas do Google está cada vez mais diversificada e não se resume mais somente a sites. A divisão de buscas de palavras-chave que retornam determinados conteúdos é a seguinte:
65% das pesquisas realizadas no Google mostram vídeos
40% mostram imagens
16% mostram notícias
6% mostram ofertas de compras
Menos de 1% mostram mapas


Via Tecmundo

8 cuidados para curtir as festas de fim de ano


Final do ano chegando, e a gente sabe bem como é… Festas entre amigos, família e também com os colegas de trabalho! Ás vezes junto com elas vem também osexageros, mas calma, para ajudar a manter a boa reputação, separamos algumasdicas:
1. Evite os excessos durante as festas. Faltar no dia seguinte ou ir trabalhar sem apresentar as condições ideais pode te comprometer na empresa.
2. Aproveite uma parte desse período para descansar e recarregar as baterias.
3. Agora, se você foi escalado para trabalhar e descansar não será uma opção, evite a qualquer custo demonstrar insatisfação. É bom evitar que as pessoas percebam que você es
4. Aproveite as festas com segurança, e uma boa dica é não abusar do álcool.
5. Cuidado com o que publica nas redes sociais. Algumas empresas monitoram o comportamento dos colaboradores, mesmo nos momentos de folga. Por isso, publicar algumas coisas, pode não ser uma boa ideia.
6. Lembre-se de que construir uma reputação demora anos, mas para destruir bastam apenas 5 segundos.
7. Se alguém do seu trabalho faz parte também do seu círculo de amizades, a preocupação deve ser redobrada. Mesmo que a relação seja próxima, alguns deslizes nesse período podem prejudicar sua imagem e azedar a relação com essa pessoa. Se for o chefe, aí então a gente deve dobrar o cuidado, né?
8. Por fim, a gente precisa deixar as preocupações de lado e relaxar!! Afinal, esse é um período de festas e nada como uma folguinha pra esquecer a correria do dia a dia e viver ótimos momentos.
Boas Festas!!

As reações alérgicas e as tinturas de cabelo

Untitled-1


Uma estudante (foto acima) ficou “parecendo um alien” após uma reação alérgica extrema a uma tintura de cabelo. Abigail Colbourne, de 15 anos, tingiu seus cachos com uma tinta castanho escura, mas não havia feito um teste cutâneo de alergia anteriormente, como é recomendado.

O corante Clairol causou enorme inchaço. Abigail, de Sydenham, sul de Londres (Inglaterra), disse: “Meus olhos estavam colados, não conseguia abri-los, e minha cabeça inchou muito. Foi aterrorizante”. Médicos conseguiram reduzir o inchaço, mas a garota esclareceu: “As pessoas devem estar cientes dos efeitos desses corantes.
Apesar da raridade de casos de reações alérgicas a tinturas, o fato é que elas podem realmente ser muito violentas. Mas o que podemos aprender dos casos de pessoas como Abigail? Veja mais fotos abaixo e leia as dicas para que você nunca passe por essa situação:
alien_4
As reações alérgicas a esses produtos podem ser leves, como também podem ser extremas a ponto de causar danos permanentes à pele e à vista da pessoa.
alien_5
Você pode (e deve) fazer um teste cutâneo de alergia para saber se é especialmente alérgico(a) às substâncias presentes nas tinturas. Saiba se prevenir!
alien_6
Caso você tenha alergia às tinturas, procure saber se você também é alérgico(a) a Henna ou a shampoos tonalizantes. Esses dois produtos servem como uma boa alternativa às pessoas mais alérgicas, e não danificam o cabelo.
alien_7
Saiba tomar todas as precauções na hora de aplicar a tinta, isolando suas mãos, seu rosto e suas orelhas do contato com as substâncias. A maioria delas já é extremamente tóxica, especialmente o PPD, o lauril sulfato de sódio, a amônia e o propileno glicol, e podem causar danos à sua pele mesmo que você não seja alérgico(a).
alien_8
Óbitos já ocorreram por conta desse tipo de alergia. Inalar a fumaça proveniente da tinta pode causar sintomas horríveis como irritações agudas na garganta e ataques súbitos e fatais de asma.
alien_9
Caso você ignore as dicas de prevenção e acabe se encontrando numa crise alérgica à tinta, saiba reagir da forma correta: primeiramente, interrompa a aplicação do produto imediatamente e enxágue abundantemente o cabelo, até retirar todo e qualquer resquício da tinta de seu couro cabeludo. Também beba muita água – ela lhe ajudará a eliminar as toxinas o mais rápido possível, por meio da urina.
alien_10
A substância presente nas tinturas que mais provoca reações alérgicas é a parafenilenodiamina, que age como fixadora da cor nos fios.
Ainda assim, mesmo com todas essas dicas e informações, sabemos que acidentes podem acontecer. Ainda mais em casos de alergia, que podem surgir de uma hora para a outra, mesmo tendo feito testes cutâneos com antecedência. A última dica do Macaco é: antes de pintar o cabelo, sempre aplique o produto em seu pulso 30 minutos antes de aplicá-lo em seus cabelos. Assim, você saberá se estará seguro(a) ou não.
Fonte:http://www.quaseinteressante.com.br/2014/12/as-reacoes-alergicas-e-as-tinturas-de.html

10 alimentos que você compra sem saber que é enganado pelo fabricante



enhanced-buzz-25682-1403798974-29
1. X-“”picanha”” congelado
A embalagem avisa que o lanche, na real, é “de carne bovina e de carne de frango sabor picanha e queijo processado sabor cheddar congelado”. Kd picanha?/
enhanced-buzz-18774-1403799244-29
2. Muçarela “”de búfala”“
A maioria das marcas admite, em letras menores, na própria embalagem: algumas vêm com até 80% de leite de vaca mesmo, e só 20% de búfala.
enhanced-buzz-29608-1403799074-41
3. Molho “”de mostarda”“
Leia a bula, quer dizer, a embalagem: os ingredientes que aparecem primeiro, segundo o IDEC (Instituto de Defesa do Consumidor), são os que estão presentes em maior quantidade. Portanto, se no potinho estiver escrito “água, vinagre, açúcar, amido e sementes de mostarda”, você já sabe.
enhanced-buzz-3038-1403799159-12
4. Linguiça “”tipo calabresa”“
Não se engane com o truque linguístico: a embalagem lista “carne suína, carne mecanicamente separada de aves (…), proteína de soja”. DE AVES, ou seja, não é nem só de frango. Quanto mais só de porco.
enhanced-buzz-8659-1403799321-38
5. “”Leite”” com chocolate
De novo, atenção na embalagem: se diz “bebida láctea”, continue lendo. Provavelmente será uma mistura de soro de leite com leite em formas variadas, como reconstituído ou em pó.
6. “”Mel”“
Nos supermercados, mel de verdade, alimentos à base de glicose (muito processados e cheios de açúcar) e melado de cana são vizinhos de prateleira.
enhanced-buzz-8611-1403799501-26
7. “”Azeite”“
Não se deixe levar pelas imagens de oliveiras: lendo a embalagem, pode ser que você esteja diante de um óleo composto de soja e oliva (sendo que a soja, claro, leva a melhor, compondo até 80% do conteúdo).
enhanced-buzz-2553-1403799570-28
8. “”Cerveja”“
Segundo a lei alemã de pureza, cervejas devem ser feitas apenas com água, cevada e lúpulo. Segundo instrução do Ministério da Agricultura, outros ingredientes podem ser usados, desde que não passem de 45%. A maioria das cervejas brasileiras, que trazem na embalagem o uso de “cereais não maltados”, são feitas com até 50% de milho.
enhanced-buzz-19037-1403799616-42
9. “”Iogurte”“
Se o rótulo traz bebida láctea fermentada, então não é iogurte. É quase. Como o “”leite com chocolate”“, bebidas lácteas levam soro de leite.
enhanced-16907-1403800180-1
10. “”Requeijão”“
O que deveria ser feito apenas com derivados de leite às vezes vem com derivados vegetais, como amido, descritos em letras bem pequenas na embalagem.
Fonte:http://www.pavablog.com/2014/12/25/10-alimentos-que-voce-compra-sem-saber-que-e-enganado-pelo-fabricante/

4 teorias sinistras a respeito da destruição do Universo A teoria mais aceita atualmente pela Ciência para explicar a origem do  Univer...